agenda

Programação do Instituto Ling traz cursos, oficinas e espetáculos nos próximos dias

Recital de piano, oficina de sobremesas com chocolate, curso sobre a História da Civilização e uma programação especial para crianças estão entre as atrações oferecidas de 06 a 14 de outubro

De 06 a 14 de outubro, o Instituto Ling traz cursos, oficinas e espetáculos musicais e teatrais para crianças e adultos. Na programação especial para as crianças, acontece uma série de atividades no primeiro fim de semana do mês: o renomado espetáculo Cuco – A Linguagem dos Bebês no Teatro terá quatro apresentações na sexta e no sábado, dias 06 e 07 de outubro, e serão oferecidas oficinas de Musicalização Infantil e de Teatro.

O fim de semana também reserva atividades para adultos, como a oficina de sobremesas com chocolate, que acontece no sábado, 07 de outubro. A oficina será ministrada por Bete Duarte e Sony Monteiro, da Chocólatras, que, segundo a revista Veja – Comer e Beber, é a melhor doceria de Porto Alegre. Ainda há vagas.

Ainda no dia 07, acontece o recital do pianista Fabio Luz – considerado pela crítica internacional como um dos melhores intérpretes da sua geração. Neste recital, Fábio interpreta obras de Chopin e Scriabin, além do Bolero de Ravel, numa transcrição para piano a seis mãos – escrita pelo próprio pianista – e que terá as participações especiais de Andrei Liquer e Henrique Roberto Simões.

Na terça-feira, dia 10, começa o curso Civilização: ascensão e queda de uma ideia, com os professores Eduardo Wolf, Felipe Pimentel e Pedro Gonzaga. Em três encontros, o curso apresenta um completo repertório que serve de base para nossa própria noção de civilização, analisando seus valores constitutivos e as grandes realizações dentro de um processo de transformações sociais, para uma contribuição crítica acerca da mentalidade contemporânea.

No segundo fim de semana do mês, a programação é das crianças: no dia 13, sexta-feira, às 17h, a Muovere Cia de Dança apresenta o espetáculo Tóin – Dança para Bebês, precursor no formato destinado à primeira infância, para bebês de 0 a 03 anos, utilizando a linguagem da dança como motivação. Já no sábado, dia 14 de outubro, com sessões às 15h e às 17h, estreia o espetáculo Tóin 2 – Dança para a Segunda Infância, que apresenta a fantástica aventura vivida por Juju do Bigode Azul, R20 e Romieta. Dedicado a crianças de 03 a 07 anos, Tóin 2 inspira-se no livro As Cidades Invisíveis, de Ítalo Calvino, revelando os pequenos aventureiros que povoam o imaginário infantil. Gláucia de Souza, Maurilo Andreas, Eva Furnari, Monteiro Lobato e Maria Amália Camargo ilustram a visão poética da obra. A trilha sonora e os figurinos também são destaque na montagem.

Além dessas atividades, o Instituto Ling apresenta a exposição Explosão Fixa, do artista pernambucano José Patrício, em cartaz até o dia 18 de novembro. A mostra traz dezenove obras que perpassam os seus 40 anos de carreira e apresenta também um conjunto de fotografias inéditas.

Confira abaixo os detalhes e o serviço de cada atividade. Para fotos em alta resolução e mais informações sobre os eventos, acesse o presskit: https://goo.gl/gzGi6D

INFANTIL – Oficina de Musicalização Infantil

Nessa oficina, as crianças de 3 a 7 anos fazem uma vivência musical através de jogos que exploram diversos parâmetros sonoros tais como intensidades, alturas, durações e timbres. Experimentação de diferentes ritmos, criação de melodias inusitadas, exploração de instrumentos musicais e execução de músicas ao vivo são as atividades propostas pela professora e atriz Bruna Baliari Espinoza.

SERVIÇO

Datas: 

Dia 06 de outubro, sexta, às 10h30

Dia 07 de outubro, sábado, às 10h30

Duração: 60 minutos

Investimento: R$ 50,00 – acompanhantes das crianças não pagam ingresso

As matrículas podem ser feitas pelo site http://www.institutoling.org.br/index.php/cursos

Informações: (51) 3533-5700

Endereço: Rua João Caetano, 440 Porto Alegre/RS

Atendimento de segunda a sexta-feira das 10h30 às 22h; sábados, das 10h30 às 20h.

INFANTIL – Oficina Brincando de Teatro

A proposta desta oficina destinada a crianças de 07 a 12 anos é desenvolver o sentido de tempo, espaço, jogo e improvisação. As crianças são convidadas a experimentar brincadeiras, a maioria de conhecimento popular, com um enfoque nos princípios básicos do teatro. A oficineira é a professora e atriz Ana Luiza Bergmann.

SERVIÇO

Datas: 

Dia 06 de outubro, sexta, às 10h30

Dia 07 de outubro, sábado, às 10h30

Duração: 60 minutos

Investimento: R$ 50,00 – acompanhantes das crianças não pagam ingresso

As matrículas podem ser feitas pelo site http://www.institutoling.org.br/index.php/cursos

Informações: (51) 3533-5700

Endereço: Rua João Caetano, 440 Porto Alegre/RS

Atendimento de segunda a sexta-feira das 10h30 às 22h; sábados, das 10h30 às 20h.

INFANTIL – Cuco – A Linguagem dos Bebês no Teatro

A montagem da Cia. Caixa do Elefante dá lugar à liberdade de entendimento dos bebês de 0 a 03 anos de idade. No “esconder e revelar” a manipulação de objetos transforma-se em histórias e brincadeiras de acordo com a imaginação de cada bebê. Com a direção de Mario de Ballentti, a peça comunica sem usar nenhum tipo de diálogo, mas diferentes tipos de linguagens. Ana Luiza Bergmann e Bruna Baliari Espinosa interagem e fazem do público parte do espetáculo, contando com a trilha sonora composta por Marcelo Delacroix e Beto Chedid.

Construída através da pesquisa sobre bebês do pedagogo Paulo Fochi, a proposta permite a experiência de manipular os materiais. Nada é estimulado, apenas permitido. Um teatro feito para bebês, crianças pequenas (de zero a três anos) e quem mais gostar da liberdade de expressão e de compreensão.

O ambiente estará adaptado para receber os cuidadores e bebês: antes do espetáculo haverá uma sala de acolhimento e um espaço destinado a carrinhos, bagagens e calçados, fraldário e banheiro.

SERVIÇO:

Cuco – A Linguagem dos Bebês no Teatro

Dia 06 de outubro, sexta-feira, às 17h e às 19h

Dia 07 de outubro, sábado, às 17h e às 19h

Duração: 60 minutos

Classificação Etária: Livre

Ingressos: R$ 40,00 (adultos) e R$ 20,00 (50% desconto para crianças menores de 15 anos, estudantes e +60)

Pontos de venda

Online: http://www.institutoling.org.br

Presencial: Instituto Ling (R. João Caetano, 440). De segunda a sexta-feira das 10h30 às 22h; sábados, das 10h30 às 20h.

Endereço: Rua João Caetano, 440 | Bairro Três Figueiras | Porto Alegre

Fone: 51 3533-5700 | Email: instituto.ling@institutoling.org.br

Assessoria de Imprensa: Ana Luiza Bergmann / (51)991191904 / bergmann.analuiza@gmail.com

Oficina Chocólatras: deliciosas sobremesas com chocolate

Bete Duarte e Sony Monteiro, da Chocólatras, apresentam quatro deliciosas receitas que têm como ingrediente principal o chocolate. Será um passeio por diferentes sensações: do quente ao gelado, do doce ao toque salgado, do chocolate intenso à leve combinação com frutas frescas. O curso aborda o preparo de massas, cremes e recheios, além da montagem de sobremesas.

Bete Duarte é jornalista, mestre em Comunicação Social e doutora em Teoria da Literatura pela PUC-RS. Foi editora do caderno Gastrô de Zero Hora e é especializada em jornalismo gastronômico.

Socióloga por profissão e chocolatier por paixão, Sony Monteiro criou a Chocólatras, uma loja referência em Porto Alegre. Desenvolver novas receitas tendo o chocolate como ingrediente principal é a tarefa que Sony mais gosta de fazer. Agora, ela vai dividir algumas das receitas das deliciosas sobremesas que prepara em sua casa.

SERVIÇO

Período: dia 07 de outubro, sábado, das 14h às 18h

Duração: 4h

Investimento: R$ 190,00 ou 6 X R$ 31,67

As matrículas podem ser feitas pelo site http://www.institutoling.org.br/index.php/cursos

O Instituto Ling também oferece bolsas para estudantes interessados nos temas do semestre.

Informações: (51) 3533-5700

Endereço: Rua João Caetano, 440 Porto Alegre/RS

Atendimento de segunda a sexta-feira das 10h30 às 22h; sábados, das 10h30 às 20h.

Recital com o pianista Fabio Luz e convidados

Considerado pela crítica internacional como um dos melhores pianistas da sua geração, Fabio Luz realiza um recital no Instituto Ling, em que interpreta obras de Frédéric Chopin (Scherzo n.4 op.54 em mi maior e Sonata n.3 op.58 em si menor) e a Sonata n.5 op.53, de Alexander Scriabin. O recital também terá as participações especiais de Andrei Liquer e Henrique Roberto Simões, que interpretam com Fabio Luz o Bolero de Ravel, numa transcrição para piano a seis mãos, escrita pelo próprio pianista.

Membro do júri de importantes concursos internacionais, Fabio Luz atuou sob a regência de Ligia Amadio, Guilherme Bernstein, João Maurício Galindo, além de Baciu, Conta, Oschanitzky, Celibidache, e muitos outros maestros em recitais e concertos em diversos países. Desde o Primeiro Prêmio do Concurso Nacional da Bahia em 1977, seguido do Prix International Debussy na França em 1978, grande parte de sua atividade tem sido dedicada à divulgação de obras de autores contemporâneos, muitas das quais são escritas para ele. De 2003 a 2011 suas master classes tiveram lugar no Castello di Cortanze (Italia). A partir de agosto de 2013 seu curso de aperfeiçoamento e excelência pianística tem lugar no âmbito do Festival del Golfo de San Marco di Castellabate (Salerno). Coordenador a partir de 2006 do departamento de piano da Escola Superior “Città della Musica e del Teatro” em Penne (Pescara) é desde 2010 presidente da Fundação Franz Liszt, com sede na França.

SERVIÇO:

Recital com o pianista Fabio Luz

Dia 07 de outubro, sábado, às 17h

Duração: 60 minutos

Classificação Etária: Livre

Ingressos: R$ 40 (50% desconto para estudantes e +60)

Pontos de venda

Online: http://www.institutoling.org.br

Presencial: Instituto Ling (R. João Caetano, 440). De segunda a sexta-feira das 10h30 às 22h; sábados, das 10h30 às 20h.

Endereço: Rua João Caetano, 440 | Bairro Três Figueiras | Porto Alegre

Fone: 51 3533-5700 | Email: instituto.ling@institutoling.org.br

Curso Civilização: ascensão e queda de uma ideia

Na terça-feira, dia 10, começa o curso Civilização: ascensão e queda de uma ideia, com o filósofo Eduardo Wolf, o psicanalista e historiador Felipe Pimentel e o escritor e professor Pedro Gonzaga. Em três encontros, sempre às terças-feiras, o curso apresenta um completo repertório que serve de base para nossa própria noção de civilização, analisando seus valores constitutivos e as grandes realizações dentro de um processo de transformações sociais, para uma contribuição crítica acerca da mentalidade contemporânea.

O tema será abordado a partir de diferentes obras – filosóficas, históricas, literárias e artísticas – para entender questões como: Sob quais condições o Ocidente formulou as bases de sua civilização? Como o gênio grego se tornou parâmetro para a própria ideia de civilização? Que continuidades e rupturas podemos identificar entre o mundo antigo clássico até a mentalidade renascentista, que alicerça a civilização ocidental moderna?

Eduardo Wolf é doutor em Filosofia pela USP, tendo sido pesquisador visitante na Universidade Ca’Foscari (Veneza, Itália). Foi articulista do jornal Zero Hora e da revista Veja e é editor da plataforma multimídia O Estado da Arte, no jornal Estado de São Paulo. Editou, entre outros, os volumes Pensar a Filosofia e Pensar o Contemporâneo, lançados pela Arquipélago Editorial. Traduziu os ensaios de T. S. Eliot (Notas para uma Definição de Cultura e A Ideia de uma Sociedade Cristã e Outros Ensaios – É Realizações) e diversos títulos de filosofia (A Filosofia Antes de Sócrates, de Richard Mckirahan, A invenção da Filosofia, de Néstor-Cordero, entre outros). Foi Secretário-Adjunto de Cultura de Porto Alegre. É assistente da curadoria do projeto Fronteiras do Pensamento.

Pedro Gonzaga é músico e tradutor, com mais de vinte obras vertidas ao português. É também professor de Literatura Brasileira no grupo Unificado. Sua formação inclui graduação em Publicidade, mestrado em Literatura Brasileira e doutorado em Literatura. Escritor e poeta, tem quatro livros publicados e um traduzido para o francês. Palestrante de longa data, ministra ainda, há mais de dez anos, oficinas de escrita criativa. Atualmente, é colunista do jornal Zero Hora.

Felipe Garrafiel Pimentel é psicanalista e historiador, professor do Mottola, em Porto Alegre, e colunista do blog Estado da Arte – jornal Estadão. Traduziu o livro Pensadores da Nova Esquerda, de Roger Scruton, e foi coordenador do patrimônio histórico de Porto Alegre e diretor de ensino do Grupo Unificado.

SERVIÇO

Curso Civilização: ascensão e queda de uma ideia

Período: dias 10, 17 e 24 de outubro (terças-feiras), das 19h30 às 21h30

Duração: 6h (3 encontros de 2h)

Encontro1 – As origens: as camadas históricas que sustentam nossa ideia de civilização

Encontro 2 – Apogeu: o Ocidente atinge seu apogeu na modernidade

Encontro 3 – Declínio: crise da mentalidade contemporânea como sintoma da civilização ocidental

Investimento R$ 480,00 ou 6 X R$ 80,00

As matrículas podem ser feitas pelo site http://www.institutoling.org.br/index.php/cursos

O Instituto Ling também oferece bolsas para estudantes interessados nos temas do semestre.

Informações: (51) 3533-5700

Endereço: Rua João Caetano, 440 Porto Alegre/RS

Atendimento de segunda a sexta-feira das 10h30 às 22h; sábados, das 10h30 às 20h.

INFANTIL – Espetáculo Tóin – Dança para Bebês

Dedicado a crianças de 0 a 3 anos, Tóin – Dança para Bebês apresenta, de forma lúdica e sensível, o brinquedo preferido dos bebês: a dança. O espetáculo é inspirado em autores da literatura infantil, como Gláucia de Souza e Eva Furnari, Monteiro Lobato e Mário Quintana; e em vídeos e animações como Menina Flor; Sapo Xulé, Bebê Jeans, Topo Gigio e As esquiletes, além das memórias de infância dos bailarinos e diretores.

Dirigido por Jussara Miranda, Tóin é um projeto inédito e inovador. Em 2012, a Muovere Cia de Dança Contemporânea adotou a tarefa de atuar como mediadora entre a arte da dança e os bebês, dedicando-se ao estudo do tema, com o objetivo de promover a formação de públicos e a transformação. Desde então, o espetáculo já teve mais de 200 apresentações em Porto Alegre, cidades do interior do RS e em outros estados, com atividades em Salvador, Londrina e Belo Horizonte.

A Muovere Cia de Dança contemporânea atua há mais de 27 anos no cenário da dança em Porto Alegre, reunindo um repertório de 19 espetáculos, cinco performances de rua e cinco projetos de inclusão social. facebook.com/DancaParaBebes

Link com imagens: https://www.youtube.com/watch?v=MCbwlB5TkPU

Ficha técnica:

Direção geral e coreográfica: Jussara Miranda

Direção Artística: Diego Mac

Bailarinos: Aline Karpinski, Arthur Bonfanti e Nilton Gaffree Jr.

Trilha Sonora: Beto Chedid

Iluminação e Vídeografia: Ricardo Vivian

Figurinos: Antonio Rabadan

Identidade Visual e Projeto gráfico: Sandro Ka

Fotografia e colaboração em pesquisa: Gui Margarizi

Apoio: Instituto LING; Espaço N; CT Academia

Assessoria de imprensa – Bruna Paulin – bruna@brunapaulin.com | 51 98407 0657

SERVIÇO:

Tóin – Dança para Bebês

Dia 13 de outubro, sexta-feira, às 17h

Duração: 35 minutos

Classificação Etária: destinado a crianças de 0 a 03 anos

Ingressos: R$ 20,00 para as crianças (ingresso de meia-entrada) e R$ 40,00 (ingresso inteiro) para pais e acompanhantes

Pontos de venda

Online: http://www.institutoling.org.br

Presencial: Instituto Ling (R. João Caetano, 440). De segunda a sexta-feira das 10h30 às 22h; sábados, das 10h30 às 20h.

Endereço: Rua João Caetano, 440 | Bairro Três Figueiras | Porto Alegre

Fone: 51 3533-5700 | Email: instituto.ling@institutoling.org.br

INFANTIL – Espetáculo Tóin 2 – Dança para Segunda Infância

Após cinco anos de sucesso do espetáculo Tóin – dança para bebês, a Muovere Cia de Dança contemporânea estreia no sábado, 14 de outubro, no Instituto Ling, a sua mais nova montagem: Tóin 2 – Dança para Segunda Infância, voltado para crianças de três a sete anos. O espetáculo terá duas sessões, às 15h e às 17h.

Tóin 2 – Dança Para Segunda Infância dança a história de três personagens e seus amigos imaginários. A pesquisa partiu do estímulo do livro As Cidades Invisíveis de Ítalo Calvino, revelando os “Marco Polinhos” que povoam o imaginário infantil. Gláucia de Souza, Maurilo Andreas, Eva Furnari, Monteiro Lobato e Maria Amália Camargo ilustram a visão poética do espetáculo.

Heróis, robots, personagens de filmes e vídeos e histórias infantis atuais compõem a fantástica aventura vivida por Juju do Bigode Azul (Nilton G. Junior), R20 (Artur Bonfanti) e Romieta (Aline Karpinski) e seus avatares. Diferentes, se encontram na bola encantada para brincar de dança, cada um à sua maneira.

O Bigode Azul de Juju tem poderes de adivinhar os pensamentos. Já R20 tem a força da dança e Romieta a dança da paixão desenfreada. Segundo Jussara Miranda, diretora da companhia, que assina a concepção, direção geral e coreográfica da montagem, “os avatares são instigantes. Não falam a nossa língua, não conhecem os nossos costumes e só aparecem na Bola Encantada para brincar de dança, cada um à sua maneira. Ninguém sabe onde vivem. São curiosos, amáveis e engraçados”, revela. “Esse universo foi pensado e criado dentro de referências para crianças entre três e sete anos – como interagem com os amigos, os tipos de estímulos musicais que os fazem reagir e as brincadeiras mais populares”, afirma.

A trilha sonora e os figurinos também viajam por mundos diversos. A cada nova dança uma nova brincadeira. Beto Chedid assina a trilha sonora, que conta com diversas versões de canções conhecidas do público em uma adaptação futurista, além de clássicos do folclore infantil brasileiro. A direção artística é de Diego Mac, Antonio Rabadan assina os figurinos, Ricardo Vivian a iluminação e videografia, Sandro Ka a identidade e programação visual e Gui Malgarizi a fotografia e colaboração em pesquisa.

A Muovere Cia de Dança contemporânea atua há mais de 27 anos no cenário da dança em Porto Alegre, reunindo um repertório de 19 espetáculos, cinco performances de rua e cinco projetos de inclusão social. facebook.com/DancaParaBebes

Ficha técnica:

Direção geral e coreográfica: Jussara Miranda

Direção Artística: Diego Mac

Bailarinos: Aline Karpinski, Arthur Bonfanti e Nilton Gaffree Jr.

Trilha Sonora: Beto Chedid

Iluminação e Vídeografia: Ricardo Vivian

Figurinos: Antonio Rabadan

Identidade Visual e Projeto gráfico: Sandro Ka

Fotografia e colaboração em pesquisa: Gui Margarizi

Apoio: Instituto LING; Espaço N; CT Academia

Assessoria de imprensa – Bruna Paulin – bruna@brunapaulin.com | 51 98407 0657

SERVIÇO:

Tóin 2 – Dança para Segunda Infância

Dia 14 de outubro, sábado, com sessões às 15h e às 17h

Duração: 35 minutos

Classificação Etária: destinado a crianças de 03 a 07 anos

Ingressos: R$ 20,00 para as crianças (ingresso de meia-entrada) e R$ 40,00 (ingresso inteiro) para pais e acompanhantes

Pontos de venda

Online: http://www.institutoling.org.br

Presencial: Instituto Ling (R. João Caetano, 440). De segunda a sexta-feira das 10h30 às 22h; sábados, das 10h30 às 20h.

Endereço: Rua João Caetano, 440 | Bairro Três Figueiras | Porto Alegre

Fone: 51 3533-5700 | Email: instituto.ling@institutoling.org.br

EM CARTAZ – GRATUITO – Exposição Explosão Fixa, de José Patrício

Até o dia 18 de novembro, o Instituto Ling apresenta a exposição Explosão Fixa, que traz dezenove obras que perpassam os 40 anos de carreira artística do pernambucano José Patrício.

Com a curadoria de Eder Chiodetto, na mostra estão telas e instalações representativas do universo criativo de Patricio: empregando materiais diversos e banais – como tachas, botões, fios elétricos, dados e quebra-cabeças de plástico –, o artista remove o uso tradicional desses materiais e os reorganiza para criar intrincados mosaicos que exploram a dimensão lúdica do cotidiano. A exposição apresenta também um conjunto de fotografias inéditas.

Conhecido principalmente por suas instalações de chão da série Ars combinatoria (1999) –  composta por milhares de peças de jogo de dominó –, José Patrício é influenciado pelos movimentos artísticos geométrico e concreto brasileiros. O artista fundamenta seus trabalhos em combinações numéricas lógicas, sugerindo que mesmo a mais rígida das fórmulas matemáticas tem o potencial de conter sua própria expressividade. Dessa forma, sua obra enfatiza a relação frágil entre ordem e sua possível dissolução.

Para Chiodetto, Patrício “cria um lugar original no campo da arte, na fronteira entre a pintura, o desenho e a assemblage” e realiza “um exercício libertário, uma nova e inspiradora forma de ser e estar no mundo”.  Quanto ao conjunto de fotografias inéditas, o curador sinaliza uma nova postura do artista: “Ao sair do ateliê, onde trabalha incessantemente na construção de suas obras, para percorrer o mundo como um andarilho errante que porta uma máquina fotográfica, seu olhar se volta para a cultura popular, as vitrines e momentos de tensão entre forma, luz e arroubos cromáticos”.

José Patrício nasceu em 1960 e vive e trabalha no Recife. Graduou-se em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Pernambuco em 1982 e é Mestre em Artes Visuais pela mesma universidade, em parceria com a Universidade Federal da Paraíba (2016).  Ao longo de sua carreira, participou de diversas exposições no Brasil e no exterior, dentre as quais a XXII Bienal de São Paulo, a 8ª Bienal de Havana e a III Bienal do Mercosul. Sua obra foi analisada por críticos de arte como Paulo Herkenhoff, Paulo Sérgio Duarte, Fernando Cocchiarale, Gerardo Mosquera, dentre outros. Possui obras no acervo da Fondation Cartier, do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, da Pinacoteca de São Paulo e do Museu de Arte do Rio e é representado pela Galeria Nara Roesler desde 1999.

A exposição Explosão Fixa tem entrada franca e fica em cartaz na Galeria do Instituto Ling até o dia 18 de novembro de 2017, com patrocínio da Crown Embalagens e realização do Ministério da Cultura / Governo Federal.

SERVIÇO

Local: Galeria do Instituto Ling

Período de exibição: de 22 de agosto a 18 de novembro de 2017

Horário: de segunda a sexta, das 10h30min às 22h e sábados, das 10h30min às 20h

Entrada Franca

Agendamento grupos e escolas: solicitações pelo email educativo@institutoling.org.br ou pelo fone (51) 3533-5700

Sobre o Instituto Ling

Criado e mantido pela família Ling desde 1995, o Instituto Ling é uma instituição sem fins lucrativos voltada para a transformação da sociedade através da educação e da cultura.

O Instituto Ling atua em três segmentos: Educação, Cultura e Saúde. Sua missão é promover o desenvolvimento humano e a evolução da sociedade através da disseminação de diferentes formas do conhecimento, da liberdade de pensamento, da valorização da cultura e da saúde. A abertura de seu Centro Cultural em Porto Alegre, no ano de 2014, ampliou e solidificou a atuação do Instituto, firmando-o como centro de referência na disseminação do conhecimento e do livre- pensar, fomentador da educação de excelência em seus múltiplos formatos e provedor de serviços e produtos culturais diferenciados, com elevado padrão de qualidade e estética.

Na área da saúde, o Instituto Ling estabeleceu parceria com o Hospital Moinhos de Vento, em 2015, para a implantação de um centro de referência no tratamento do câncer em Porto Alegre.

A família Ling, mantenedora do Instituto, é proprietária da “holding company“ Évora. O grupo empresarial produz e comercializa latas de alumínio para bebidas, não-tecidos de polipropileno (usados principalmente na produção de descartáveis higiênicos) e tampas plásticas para bebidas e produtos de higiene e beleza.

www.institutoling.org.br

Related Posts

Deixe uma resposta