PROGRAMAÇÃO DE 02 a 04/02 – 19º PORTO VERÃO ALEGRE

PROGRAMAÇÃO DE 02 a 04/02 – 19º PORTO VERÃO ALEGRE

O último final de semana do Porto Verão Alegre 2018, de sexta a domingo, dias 02 a 04 de fevereiro, terá as seguintes atrações: a segunda sessão do novo show de Nando Viana, Mecânica do Amor, A Comédia dos Erros, e as estreias A Mulher do Padeiro, Teatro é sempre arena e As Aventuras do Nego Di.

 

O Festival de Food Trucks continua na área externa ao Teatro da AMRIGS até o final do festival. Os food trucks participantes são o Bistrô da Ana, de hambúrguer, o Talagaçõ Beertruck, de cerveja artesanal, e o Petit Café. O serviço dos trucks ficará disponível das 18h às 23h.

Nando Viana

https://www.youtube.com/user/nandovianacomedia

Mecânica do Amor https://vimeo.com/211727692

 

Teatro é sempre arena https://www.youtube.com/watch?v=azzF_ioKEKk

 


Nando Viana: a vida não tá nem aí pro teu planejamento

Datas: 1 e 2 de fevereiro
Horário: 21h
Local: Teatro da AMRIGS, Av. Ipiranga, 5311

Sinopse:

 

Depois do sucesso de seu primeiro show, o gaúcho se apresenta na cidade com 1 hora totalmente nova de material, novas piadas e situações que retratam o momento atual que sua vida se encontra, que se resume em tatuagens, filhos e ursos pandas.


Ficha técnica:
Texto e atuação: Nando Viana

Duração: 65 minutos
Classificação:
14 anos  

A Mecânica do Amor

Datas: 02 e 03 de fevereiro
Horário: 21h
Local: Centro Histórico-Cultural Santa Casa, Av. Independência,75

Sinopse:

 

Em meio a rotina inconstante de trabalho, os mecânicos Jambolão e Caneta buscam entender sua posição no mundo, as mulheres, a Internet e o contemporâneo sob o vértice nu e cru do universo masculino. Envoltos em seus afazeres, felizes e satisfeitos com suas vidas, seguem na luta para ganhar a vida quando recebem a visita de Ricky, político investigado, e de Anselmo, seu amigo lobista. Homens de distintas classes sociais, posições profissionais e ambições, são mesmo tão diferentes assim? O espetáculo busca o questionamento do homem, sem papas na língua, homens falando de homens, expondo-se nas mais diversas situações. A ansiedade masculina num espectro social, a necessidade absoluta e irrefutável do vencer e o pavor do fracasso.

 

Ficha Técnica

Texto e direção: Júlio Conte
Elenco: Fabrizio Gorziza e Lucas Sampaio
Iluminação: Fabiana Santos
Cenário: Kiko Angelim
Figurinos: Thaís Partichelli
Produção: Luísa Barros

Duração: 60 minutos
Classificação
: 14 anos

A comédia dos erros


Datas: 2, 3 e 4 de fevereiro
Horário: 21h
Local: Teatro Renascença, Av. Érico Veríssimo, 307

Sinopse:

A crise de identidade sob o ponto de vista cômico é o tema central desta obra de Shakespeare, possivelmente a primeira peça escrita pelo dramaturgo inglês, que se desenvolve em torno de dois pares de gêmeos idênticos: os dois Antífolos e seus cridos Drômios, separados na infância durante um naufrágio e levados a cidades diferentes, cada patrão com seu servidor. Até o reencontro dos irmãos, já adultos, os personagens vivem uma série de mal-entendidos, em uma trama caprichosa e divertida, a qual se articula um eficiente jogo dramático a partir dos conceitos de aparência e realidade. Em 2018, “A Comédia dos Erros”, com a Cia. Teatro di Stravaganza, completa dez anos desde sua estreia.

 

Ficha Técnica:

Autor – William Shakespeare

Tradução – Bárbara Heliodora

Direção – Adriane Mottola

Elenco – Duda Cardoso, Fernanda Petit, Fernando Kike Barbosa, Janaina Pelizzon, Lauro Ramalho, Marcello Crawshaw, Rafael Guerra, Rodrigo Mello e Sofia Salvatori

Realização – Cia. Teatro di Stravaganza.

 

Duração: 100 minutos
Classificação: livre

 

A mulher do padeiro

Datas: 2, 3 e 4 de fevereiro
Horário: 21h
Local: Sala Álvaro Moreyra, 307

Sinopse:

Na história, o padeiro Aimable, ao ser abandonado pela mulher, mergulha na tristeza profunda e deixa de fazer o pão para o vilarejo. Esse fato leva as pessoas a se unirem nas buscas para encontrar sua esposa. As relações começam a acontecer. Relações humanas, fruto de necessidades diversas que abrem camadas de conhecimento e autoconhecimento. Um novo mundo de desvela e a alma humana aflora em diversas nuances. Este autoconhecimento, o encontrar-se com si mesmo a partir do encontro com o outro, leva a questionamentos acerca da solidão. A história desse padeiro se mistura com histórias de um homem contemporâneo e seus relacionamentos.

A Mulher do Padeiro” lida com questões universais relacionadas principalmente com o abandono, a insegurança e as dificuldades de relacionamento. A obra de Marcel Pagnol expõe as perspectivas do homem frente à desilusão e a busca pela verdadeira felicidade. Quão efêmeros podem ser nossos desejos? Quão realmente profunda e incompleta pode ser a sensação causada pelo abandono? E quão difícil pode ser o contentar-se com a própria companhia, quando percebemo-nos sós?

 

Ficha Técnica:

Texto original: Marcel Pagnol
Tradução: Joseane Rucker
Adaptação: Ismael Canepelle, Evandro Soldatelli e Ramiro Silveira
Atuação e concepção: Evandro Soldatelli
Direção: Ramiro Silveira
Cenografia: Zoé Degani
Iluminação: Nara Maia
Trilha sonora pesquisada: Dani Haetinger e Giovani Lock

 

Duração: 50 minutos
Classificação: 16 anos

 

Teatro é sempre Arena

Datas: 2, 3 e 4 de fevereiro
Horário: 21h
Local: Teatro de Arena, Av. Borges de Medeiros 835

Sinopse:

Homenagem criada especialmente para a ocasião de comemorações aos 50 anos do Teatro de Arena completos em 2017. A encenação pontua a trajetória de resistência do Teatro de Arena de Porto Alegre e faz uma homenagem ao comprometimento e capacidade de superação que caracterizou uma geração de artistas que transformou este pequeno espaço cultural em uma referência de nossa cidade.

 

Ficha Técnica:

Dramaturgia: Jorge Rein sobre textos de Bertold Brecht, Georg Büchner, Eduardo Pavlowsky, Peter Weiss e Samuel Beckett.

Elenco: Hamilton Braga, Nena Ainhoren, João França, Luzia Ainhoren e Dionísio Farias.
Direção: Breno Ketzer.
Fotografias: Fernanda Chemale.

 

Duração: 50 minutos
Classificação: 14 anos

As aventuras do Nego Di

Datas: 3 e 4 de fevereiro
Horário: 21h
Local: Teatro da AMRIGS, Av. Ipiranga, 5311

Sinopse:

 

Que negão, negão!

Nego Di é um personagem criado por Dilsinho Netto em 2016. Conhecido pelos seus áudios enviados para amigos, através do aplicativo WhatsApp, onde contava histórias que, realmente, haviam acontecido, mas com improviso, com a finalidade de zoar os amigos e as pessoas que o cercavam em festas.

Porém, esses áudios ficavam tão engraçados, que as pessoas que o recebiam e logo compartilhavam, fazendo com que as pessoas que o recebiam, também os compartilhassem, aleatoriamente, mesmo fora de contexto e, dessa forma, foi se espalhando. Criou, também, os personagens Nega Edna, a mais famosa, Nega Dedé, Negão Buiu e Luiz Cláudio. Posteriormente houve migração para o YouTube e, dessa forma, tornar-se um YouTuber, além de ser WhatsApper. Adquiriu um grande público em seu canal e suas redes sociais.

 

E com este senso de humor, criatividade e irreverência que surgiu o espetáculo As aventuras de Nego, com idealização e elaboração de roteiros pelo humorista e seus colaboradores, com a direção de Índio Behn.

Ficha Técnica:

 

Texto: Dilsinho Netto
Direção: Índio Behn
Produção: Risoteca Produtora
Produção Artística: Luiz Neves
Som e Iluminação: Hans Ancina
Duração: 70 minutos
Classificação:
14 anos

 

 

SERVIÇO:

 

Teatros:

O Centro Histórico-Cultural Santa Casa (Av. Independência, 75), o Instituto Goethe (Rua 24 de Outubro, 112), o Instituto Ling (Rua João Caetano, 440), o Teatro de Arena (Av. Borges de Medeiros, 835), Teatro da AMRIGS (Av. Ipiranga, 5311), o Teatro do Bourbon Country (Av. Túlio de Rose, 80), o Teatro Renascença e a Sala Álvaro Moreira (Av. Érico Veríssimo, 307), o Theatro São Pedro (Praça Mal.Deodoro SN- Centro Histórico) e o Teatro do Sesc (Av. Alberto Bins, 665).

“Todos os espaços contam com acessibilidade para pessoas com mobilidade reduzida.”

Neste ano, haverá algumas atividades gratuitas na Galeria Mamute (Rua Caldas Júnior,375) e na Associação do Centro Cultural Cia de Artes (Rua dos Andradas, 1780).


Valores dos Ingressos:

No Teatro: R$40 inteira

R$32 Clube ZH e Banricompras

R$20 idoso e estudante

R$20 Teatro infantil

 

Antecipado: R$30 inteira

R$24 Clube ZH e Banricompras

R$20 idoso e estudante

R$20 Teatro infantil


Formas de pagamento e descontos:

Na aquisição de ingressos, antecipado ou na hora, será aceito dinheiro ou débito e crédito das bandeiras aceitas pela Vero, como Banricompras, Mastercard, Visa e Verdecard.
Portadores do Clube do Assinante ZH e do Banricompras terão desconto válido para titular e um acompanhante (dois ingressos por peça), mediante apresentação do cartão ou de comprovante pelo titular.

Estudantes e demais contemplados com descontos de 50% pela Leia Federal da Meia Entrada devem apresentar comprovante determinado pela própria lei, que entrou em vigor em 01/12/2015, decreto nº 8.537 de 5 de outubro de 2015 (que pode ser acessado aqui), que regulamenta a nova lei da meia-entrada (Lei n° 12.933/2013) e o Estatuto da Juventude (Lei n° 12.852/2013).

O Porto Verão Alegre respeita todos os descontos aplicados por essa lei.

A apresentação do comprovante é obrigatória e deve ser feita no momento da compra nos pontos de venda. Quando a compra do ingresso acontecer pela internet, o comprovante deve ser entregue na bilheteria dos teatros no momento da troca do voucher pelo ingresso.

Política de troca de ingressos:

Os ingressos poderão ser trocados, sendo comprados pela internet ou nos pontos de venda, em até sete dias após a data da compra, 24 horas antes do início do espetáculo, não havendo exceções. Informações completas sobre como proceder estão no site www.portoveraoalegre.com.br.


Pontos de Venda:

A compra antecipada dos ingressos pode ser feita nos dois já tradicionais pontos:

– no 3o andar do Praia de Belas Shopping, de segunda a sábado, das 10h às 22h, domingos das 13h às 19h.

– no Casarão Verde – loja 133 – do DC Shopping – de segunda a sexta, das 10h às 19h.

A novidade, neste ano, é que os ingressos antecipados para todos os espetáculos (exceto os que estão em cartaz no Theatro São Pedro e no Bourbon Country) também poderão ser comprados nas bilheterias dos seguintes teatros – Centro Histórico-Cultural Santa Casa, Instituto Goethe, Teatro de Arena, Teatro da AMRIGS, Teatro Renascença, Teatro do SESC e Sala Álvaro Moreira -, nos dias em que os espetáculos do Porto Verão Alegre tiverem sessões, duas horas antes delas começarem. 

Os ingressos que sobrarem também poderão ser adquiridos nas bilheterias dos respectivos teatros duas horas antes do horário de início das sessões.

Vendas online:

As vendas acontecem pelo site www.portoveralegre.com.br (com cobrança de taxa de 20% sobre o valor do ingresso). As vendas dos ingressos pelo site encerram-se duas horas antes do início da sessão do espetáculo comprado. Para compras via internet serão aplicados os mesmos descontos para compras em pontos físicos, incluindo os da Lei Federal da Meia Entrada e o Banricompras, com exceção do Clube do Assinante.  As formas de pagamento para compra via internet são aceitas todas as modalidades de pagamento aceita pelo Pagseguro, detalhadas no site de vendas.

Exceção:

O espetáculo apresentado no Teatro do Bourbon Country, Alcemar a Mascada Perdida, somente será vendido na bilheteria do local na Av. Túlio de Rose, 80. Os horários para compra antecipada são de segunda a sábado, das 10h às 22h, e domingos e feriados, das 14h às 20h. Na hora, é possível comprar ingressos com preço de antecipado até duas horas antes do espetáculo e se sobrarem ingressos da venda antecipada. As formas de pagamento na bilheteria do Teatro do Bourbon Country são diversas. No site é possível verificar todas. A compra pela internet de Alcemar e a Mascada Perdida pode ser feita pelo site https://www.teatrodobourboncountry.com.br/ .

Os descontos praticados pelo Porto Verão Alegre – beneficiários da Lei Federal da Meia Entrada, clientes Banricompras e Clube do Assinante – serão práticos para o espetáculo em cartaz no Teatro do Bourbon Country.

 

O 19º Porto Verão Alegre é apresentado pelo Ministério da Cultura, Banrisul Cartões e Zaffari, e tem patrocínio de Corsan, DLL e Panfácil, além do apoio de AEL Sistemas, BRDE, Comerlato Imobiliária, DC Shopping, Doctor Clin, Iesa, Grupo RBS, NET, Santa Clara e Ultragaz.   

 

Sobre o Porto Verão Alegre:

A geração de no mínimo mil empregos diretos, e tantos outros indiretos, retrata uma das características de uma iniciativa que chega ao 19º ano em 2018 e que foi responsável por mudar o hábito dos gaúchos no verão. A realização ininterrupta do Porto Verão Alegre é responsável pela disseminação da ideia de que teatro é para todos. Com uma audiência cativa e formada por pessoas entre oito e 80 anos, vindas de diversas cidades do Estado, o Porto Verão Alegre – que passou a incluir outras atividades artísticas, além de gratuitas, ao longo dos anos – já atraiu mais de meio milhão de pessoas, média de 40 mil pagantes por edição, e vem aumentando ano após ano. O Porto Verão Alegre é um projeto privado realizado pela Mezanino Produções, liderada pelos atores Rogério Beretta e Zé Victor Castiel, e pela Mais Além, dirigida por Claudia D’Mutti.

Related Posts

Deixe uma resposta