Instituto Brincante finaliza campanha de Financiamento Coletivo

Campanha #FicaBrincante chega aos R$107 mil

 

Campanha de financiamento coletivo para a construção e funcionamento da nova sede do Instituto Brincante conseguiu apoio de mais de 700 pessoas

 

 

Após 60 dias no ar, a campanha de financiamento coletivo #FicaBrincante chegou ao objetivo final: reunir pessoas em torno de uma vontade comum – a permanência do Instituto Brincante na Vila Madalena.  Foram arrecadados mais R$ 107 mil reais entre os quase 800 apoiadores que se juntaram ao projeto. O dinheiro vai garantir obras de acabamento, instalação de equipamentos, entre outras despesas relativas à reforma.

 

A nova sede do Brincante ficará ao lado do local onde o Instituto funciona atualmente. Duas casinhas na Rua Purpurina, de propriedade dos  artistas Antonio Nóbrega e Rosane Almeida, serão reformadas para abrigar o teatro-escola. Além das doações da comunidade, a reforma será viabilizada graças ao apoio do Instituto Alana. O projeto aquitetônico foi cedido pelo arquiteto Thiago Bernardes.

 

Como contrapartida, aquelas pessoas que contribuíram terão recompensas como participação em oficinas no Instituto Brincante, ingressos para espetáculos e acesso à discografia de Antonio Nóbrega: uma coletânea digital foi criada especialmente para a campanha.

 

O movimento contou com o empenho de alunos, professores e admiradores do Instituto. Foi dessa união que surgiu a ampla repercussão nas redes sociais desde o fim do ano passado. Ao fim do processo de arrecadação, resta a certeza de que a cultura brasileira se constrói e se fortalece pelo coletivo e o Brincante segue firme nessa construção.

 

Festa Julina no Brincante:

Este ano a Festa Junina do Brincante ficou para julho e vai comemorar o sucesso da campanha de financiamento coletivo. Está marcada para o dia 05/07, a partir das 17 horas.

 

A festa no Instituto Brincante terá comidas e bebidas e atividades especiais para as crianças e participação dos alunos das oficinas em brincadeiras e cantorias. Além disso, a Banda Brincante e o Forró do Zé Pitoco (com convidados especiais!) também estarão presentes.

Ingressos a vinte reais a inteira e dez reais a meia. Crianças com menos de cinco anos não pagam. Todos aqueles que contribuíram pelo Catarse serão contactados para retirar ingressos gratuitos. Informações: http://www.institutobrincante.org.br/

 

Histórico da campanha Fica Brincante:

 

No primeiro semestre de 2014,  o casal de artistas Antonio Nóbrega e Rosane Almeida recebeu uma notificação para que o espaço onde funciona o Instituto Brincante fosse desocupado, sob pena de ajuizamento de ação de despejo. Seguiram-se meses de disputa judicial, acompanhada de mobilização nas ruas e redes sociais com a campanha #FicaBrincante.

 

O ponto alto foi uma imensa ciranda que reuniu 10 mil pessoas na área externa do Auditório Ibirapuera, em agosto. No mesmo mês, junto com outros 22 teatros de rua, o Brincante foi considerado patrimônio imaterial pelo Conpresp, o órgão municipal de preservação do patrimônio histórico, cultural e ambiental.

 

O desfecho sobre a questão do imóvel foi decidido em dezembro de 2014 pela justiça. O Brincante precisa deixar o local onde funciona atualmente até o fim de 2015.

 

Fica Brincante nas redes:

www.ficabrincante.com.br

https://www.facebook.com/ficabrincante

www.catarse.me/ficabrincante

https://twitter.com/FicaBrincante

https://instagram.com/ibrincante/

Deixe uma resposta