cursos teatro

Espetáculo infantil conta histórias do continente africano na Oficina Cultural Alfredo Volpi

Foto: Sidnei Paixão

 

Espetáculo infantil conta histórias do continente africano na Oficina Cultural Alfredo Volpi

 

O trabalho tem trilha sonora ao vivo com tambores e instrumentos de corda; antes da apresentação acontece oficina de confecção de coroas para as crianças

 

Para propor reflexões sobre a ancestralidade africana e as influências da África no Brasil, a Oficina Cultural Alfredo Volpi, instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo gerenciada pela Poiesis, promove o espetáculo 3Áfricas – As rainhas do tempo  no dia 21 de outubro, sábado, às 15h00. O trabalho do Coletivo Morabeza transforma a história dos Três Reis Magos – Melchior (rei da Pérsia), Gaspar (rei da Índia) e Baltazar (rei da Arábia) – em uma narrativa sobre três rainhas, cada uma de um país africano: Cabo Verde, Moçambique e Senegal. O trabalho une teatro e música com tambores e instrumentos de cordas que compõem a trilha sonora ao vivo. Encenado desde 2016, a peça já foi apresentada no Itaú Cultural SP, Sesc 24 de maio, Sesc Santos, entre outros.

“Uma das coisas mais bonitas que acontecem no espetáculo é a representatividade. É a reconstrução de um imaginário que foi tomado. Ver três mulheres negras sendo coroadas como rainhas é um acontecimento, um reconhecimento que não vemos a vida inteira. Trazer isso para as crianças é um resgate ancestral muito importante”, conta Mari Per, integrante do coletivo e atriz.

Antes do espetáculo, o grupo realiza, às 14h00, a Vivência confecção coroas: reis e rainhas de hoje, uma atividade que mescla contação de história e oficina de confecção de coroas, com a intenção de introduzi-las no contexto do espetáculo em que rainhas e reis partilham suas diferenças e singularidades, reverenciando a pluralidade de raça e religião.

Ficha técnica:

Idealização e direção: Renato Gama.

Elenco: Tita Rei, Sergio Oliveira, Giba Jet, Jhony Guima, Leo Carvalho, Ronaldo Gama, Renato Gama, Mariana Per, Renata Oliveira e Camila Oliveira.

 

SOBRE A OFICINA CULTURAL ALFREDO VOLPI

Criada pela Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo, desde 1986 a oficina de cultura trabalha com a formação de jovens profissionais em diversas áreas, como artes plásticas, dança, fotografia, moda, performance, processos gráficos e teatro.

SOBRE POIESIS

A instituição, que tem por objetivo o desenvolvimento sociocultural e educacional, com ênfase na preservação e difusão da língua portuguesa, desenvolve e gere programas e projetos, pesquisas e espaços culturais, museológicos e educacionais voltados para o complemento da formação de estudantes e público em geral. A POIESIS trabalha com o propósito de propiciar espaços de acesso democrático ao conhecimento, de estímulo à criação artística e intelectual e de difusão da língua e da literatura.

SERVIÇO: Oficina Cultural Alfredo Volpi

Vivência confecção coroas: reis e rainhas de hoje

21/10, sábado, das 14h00 às 15h00

Recomendação etária: livre.

Atividade gratuita sem necessidade de inscrição prévia. 15 vagas.

3Áfricas – as rainhas do tempo

21/10, sábado, das 15h00 às 16h00

Recomendação etária: livre

Atividade gratuita sem necessidade de inscrição prévia. Chegar com 30 minutos de antecedência. 50 lugares.

Oficina Cultural Alfredo Volpi

Rua Américo Salvador Novelli, 416 – Itaquera – São Paulo/SP

Horário de funcionamento: de terça a sexta, das 10h00 às 22h00. Sábados, das 10h00 às 18h00.

Mais informações: (11) 2205-5180 | 2056-5028 | alfredovolpi@oficinasculturais.org.br

Acessibilidade no local.

Related Posts

Deixe uma resposta